Onde está o erro?




Estas imagens parecem iguais, se olharmos com cuidado, veremos que em uma delas, ocorre a invasão dos seres humanos numa área de preservação ambiental, será que esses homens que estão acampando na ilha dos papagaios, que fica em Cabo Frio,RJ, tinham permissão?
A primeira foto foi tirada no dia 16/12/2010 está perfeita, um santuário ecológico em que só se chega em embarcações, um lugar para mergulhar e admirar a natureza e é assim que deveria permanecer.
A segunda foto foi tirada no dia seguinte, esta enseada tranquila, tinha mais de 20 lanchas de passeio, fora os barcos grandes e dois acampamentos, será que isso é normal acontecer ali?
Passeios de barco são permitidos, mas, será que pode acampar?
Quando os homens vão aprender a respeitar as leis?

Professoras da Biblioteca: AClaudia, Carla, MClara.

Phasellus facilisis convallis metus, ut imperdiet augue auctor nec. Duis at velit id augue lobortis porta. Sed varius, enim accumsan aliquam tincidunt, tortor urna vulputate quam, eget finibus urna est in augue.

10 comentários:

  1. Olá! Gostei do nome, aproveito para parabenizá-los pela iniciativa de preservação ambiental e indicar um post com lindas imagens de beija flor:
    http://blogdomensageiro.blogspot.com/2009/12/beija-flor.html

    Abs!

    ResponderExcluir
  2. AGRADEÇO SUA VISITA... FICO FELIZ POR TER GOSTADO DAS IMAGENS! VOLTE MAIS VEZES... COM CERTEZA VOLTAREI...
    PAZ E LUZ NO SEU CORAÇÃO...
    BJS
    GRAÇA

    ResponderExcluir
  3. Vim conhecer o seu espaço,e gostei.......Adoro beija-flor.....já tirei fotos incríveis....concordo com vc ....eles são dificílimos de se fotografar,porém,com persistência,a gente consegue....bjcas ....boa semana p/ vc !!!!

    ResponderExcluir
  4. Sobre a postagem:o ser humano tem uma dificuldade enorme em respeitar os limites.....quaisquer que sejam eles.......por isso,vemos tantas catrástrofes,tts acidentes.....só espero que não seja tarde demais e que possamos salvar o Planeta.....

    ResponderExcluir
  5. Torcemos para que um lugar tão bonito não seja ocupado de vez. Seria um desastre.
    O melhor lugar para o homem é o lugar de aprendiz, onde respeita, ensina, troca.
    Felicidades.

    ResponderExcluir
  6. Olá.

    Penso que o grande problema de hoje não é a falta de educação.
    Pessoas assim tem um bom nível intelectual e sabem o mal que fazem a todo a ambiente que destroem.
    O problema é a certeza de que nada vai acontecer, que não haverá leis que os alcancem e assim podem livremente continuar as suas vidas de poder fazer tudo.

    O que faremos?
    Continuar a denunciar, gritar e conservar a capacidade de sonhar.

    ResponderExcluir
  7. Olá, Maria Clara!
    Infelizmente ainda vemos e veremos muitas ações como essa contra o meio ambiente. As pessoas acreditam na impunidade, mas pior que isso não estão nem aí para a natureza, para o futuro do nosso planeta.
    Obrigada pela parceria em 2009 e que em 2010 possamos continuar trocando experiências e aprendendo juntas.
    Bjs...

    ResponderExcluir
  8. O erro está na irresponsabilidade e na ganância do homem.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Maria Clara e Aprendizes

    E não foi assim que tudo começou? Fomos invadindo, invadindo... transformando florestas em 'arranha-céus', jogando nossos lixos nos rios e mares, matando os animais, destruindo para 'construir'! Então a natureza começou a se enfurecer... Veja: Florianópolis, Angra dos Reis, Haiti, só para citar alguns...
    Será que tem volta? Só através da conscientização de todos sobre a 'cova' que devemos parar de cavar!
    Desculpem, mas fico realmente revoltada com tantos desatinos, com tantos 'olhos fechados'! Vamos abrir nossos olhos? Acho que só há um caminho: através da educação.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Queridos aprendizes!!!
    Amei o símbolo. Foi o beija-flor que me trouxe até aqui!
    Parabéns pelo trabalho de vocês. Vou segui-los!!!
    Conheçam os meus blogs. Sou uma professora aposentada.
    Bjkas a todos!

    ResponderExcluir

Pode comentar... com certeza ficaremos muito felizes.
Os aprendizes agradecem e retribuem.